Sentir é Criar Menu

Permalink:

Pedido de pós-namoro?

  A gente se declarou no mesmo dia. Apenas. Não iniciamos nada. Nem pedimos nada. Naquele dia nossa conversa se iniciou com um “hey, eu gosto de você”. Talvez ele não tenha levado muita fé na minha frase, mas fiz questão de repetir pra enfatizar que meu gostar ia muito além do que ele tava pensando.

Mesmo depois de ficarmos ciente do que sentíamos, continuamos conversando como bons amigos, até que no mesmo dia pensamos sobre a mesma coisa e quando conversamos sobre aquilo percebemos que tava ficando sério. Na verdade, ele percebeu. 

– Tá ficando sério não acha?
–  E isso é ruim?
– Não. Muito pelo contrario. 

Ainda sim, não iniciamos nada. Nem pedimos nada. As coisas foram se fazendo com o tempo.

– Oi, Tem namorado?
–  SIM!

Lá se foram um ano e três meses. Estamos aqui, iniciamos, mas não pedimos. Não que precisasse, a gente sabe o que quer. Mas custa nada eu ser eu no momento de tédio:

-Inho, você me pediu em namoro?
– Acho que não.
– Não
(…)
– Então não somos namorados, somos ficantes!
– Não, inha. 🙁

– É sim. Pra eu ser sua namorada tem que me pedir…
– Quer namorar comigo?
– Assim não, inho, tem que ser surpresa.

E aí que veio a surpresa! Miel nunca consegue fazer surpresa, porque ou acabo adivinhado ou dá errado (o que parece a mesma coisa). Ele foi à polônia e voltou cheio de presentes e saudades na mala. Ganhei muita coisa fofa. A ultima que ele tirou da mala e colocou na minha mão era uma caneca. Tava dentro da embalagem e quando mexi pra vê-la em detalhes, ouvi um barulhinho de moeda que na verdade era uma aliança.

– Que lindo!
– Que bom que gostou.
(…)
– Você ta me pedindo em noivado, é? (riso de brincadeira)
– Não. Na verdade to te pedindo em namoro.

Bochechas vermelhas, sorriso de um canto à outro, abraço apertado e um beijo tímido foi toda a retribuição que consegui dá diante dessa atitude linda! 


Você sabe, meu amor, não precisamos pedir nada. Nossos corações estão interligados e sabem bem que querem um ao outro. Obrigada por ser tão lindo e fazer que nesses pequenos gestos – que podem parecer bobos pra muitos – eu possa sentir seu amor em cada detalhe. Eu amo você
  • *—*

    Queria fazer uma surpresa de verdade!
    Mas é isso aê. Que bom que gostou.

    Se prepare pro próximo!

  • Ana, que fofo!!!
    A gente é muito cheia de nhê nhê nhem né…rsrs
    Adorei a surpresa dele.
    bjokas

  • OOUUN *—-*
    Que fofo. tuudo de boom pra vooces.
    beijos, beijos.